Drama da baleia franca encalhada em SC


Ô dó! Ontem saiu no Uol essa notícia da baleia Franca encalhada em Florianópolis e hj já sabemos que conseguiram libertá-la.
Vejam abaixo as duas matérias!
- - - - - - - - 


Baleia encalha em praia de Florianópolis, em SC
07/09/2011
AE | Agência Estado


São Paulo - Uma baleia Franca, segunda espécie de baleia mais ameaçada do planeta, foi encontrada na manhã de hoje na praia do Pântano do Sul, em Florianópolis, em Santa Catarina. O animal, com cerca de dez metros de comprimento e pesando seis toneladas, estava encalhado, porém sem sinais de ferimentos.

Os bombeiros chegaram ao local por volta das 8h30 para tentar desencalhar a baleia. Durante o dia, com a ajuda da Polícia Militar e de pescadores da região, foram feitas duas tentativas para desencalhar o mamífero. Ambas sem sucesso. Biólogos do Instituto Chico Mendes também estiveram no local.


Na primeira tentativa, apenas um barco foi utilizado. Na segunda, havia três barcos empenhados na operação, mas a força das embarcações não foi suficiente para remover a baleia. Amanhã, haverá reforço de um rebocador da Marinha. Segundo a Polícia Militar Ambiental, uma nova tentativa de remoção será feita por volta do meio-dia, quando a maré estará alta.

- - - - - -


Equipe de resgate consegue libertar baleia encalhada em praia de Florianópolis
08/09/2011
Por: Diário Catarinense / Ambiente

Terminou hoje a tarde o drama do animal que estava preso em banco de areia da Praia do Pântano do Sul desde quarta-feira (07/09).

Uma baleia franca juvenil estava encalhada na Praia do Pântano do Sul, em Florianópolis, desde a madrugada de quarta-feira. O animal se prendeu a um banco de areia e precisou ser rebocado por uma embarcação da Marinha para voltar a nadar em liberdade.

O mamífero foi avistado por um pescador às 6h de quarta. Às 10h, chegaram os primeiros ambientalistas para o resgate. Mas no decorrer do dia todas as tentativas de remoção do animal de seis metros de comprimento falharam.

Nesta quinta, a equipe de resgate usou a mesma técnica: amarrou cordas no corpo do animal e o puxou com uma embarcação; a diferença é que, na nova tentativa, o grupo usou uma embarcação mais potente e a maré estava cheia.

Centenas de pessoas acompanharam o resgate, e muita gente ficou emocionada ao ver a baleia nadando outra vez. A espécie vem ao Litoral de SC nesta época do ano para ter filhotes.




Fotos: Grupo RBS para o Diário Catarinense

2 Deixe aqui sua opinião!:

Giovana Damaceno disse...

Os estados brasileiros onde ocorrem maior número de encalhes de animais deveriam ter planos de resgate mais eficientes. O atraso no cuidado ambiental no Brasil acontece em diversos aspectos.

Simone Puntel disse...

Ai tadinha!!!! Devem ser essas sondas da petrobras, que fazem muito barulho em baixo e as desgovernam, Afff!!!

Si