Não basta ter compaixão. É preciso agir!

Oi gente!
Hj eu trago um recadinho especial para os meus amigos moradores de Volta Redonda. Vamos nos unir para proteger esses seres que muitas vezes são abandonados e sofrem maus tratos dos próprios donos e, na maioria das vezes, vão parar nas ruas.

Beijos,
Cintia
- - - - - - - - - -









Olá cidadão de Volta Redonda,
mais uma vez estamos aqui para solicitar a sua participação no dia da votação do veto do Projeto de Lei 002/10.
Esta é uma lei de proteção animal de grande conteúdo ético. Confira a lei, na íntegra, em nosso site.
A votação foi transferida para 21/06/2010 (segunda-feira), às 18:00h, na Câmara Municipal de Volta Redonda.

Insistimos em alguns benefícios trazidos pelo projeto 002/10:


# Atendimento veterinário gratuito aos animais de rua e de  comunidades carentes;
Convênio com clínicas veterinárias, universidades e construção de um centro de referência animal;
Registro e controle dos animais do Município de Volta Redonda;
# Programa permanente de controle reprodutivo de cães e gatos através da castração em massa (inclusive os animais de rua);
# A realização de campanhas educativas pela guarda responsável, como prevenção de abandono e superlotação de animais nas ruas;
# A proibição do extermínio de animais domésticos abandonados como controle populacional ou de zoonoses;
# O acompanhamento de representantes de ONGS de defesa animal nas atividades propostas.

Ressaltamos ainda que NÃO haverá prejuízo às clinicas veterinárias, no que se refere ao atendimento gratuito veterinário, pois o projeto prioriza os animais de rua e aqueles que não tem recurso para arcar com despesas em clínicas particulares, permitindo ainda, convênios com clinicas e universidades,  gerando assim, empregos para médicos veterinários.

O projeto de lei 002/10 trata-se de uma melhoria da lei 4.580, já em vigor em nosso município, que determina em seu artigo 1° § 1º:
A assistência veterinária gratuita oferecerá os procedimentos necessários ao tratamento de todas as espécies de animais domésticos, incluindo vacinação, esterilização, cirurgia e tratamento pós cirúrgico.

Contamos com você para divulgar a significativa importância da presença da população no momento da votação do veto. Essa é a nossa oportunidade de participar ativamente da política de nosso município, garantindo voz e visibilidade aos animais carentes e desamparados. 

Convide o maior número de pessoas possível, para comparecer à Câmara Municipal , às 18h,  no dia 21/06/2010.

Nos vemos lá!

1 Deixe aqui sua opinião!:

YuRii disse...

não é de hoje que eu vejo animais - principalmente cães- nas ruas e em estado físico ACABADO , coitados, cheios de feridas necrosadas, mexendo no lixo, é muito triste ver isso e eu sempre fico pensando "animal tmb tinha q ter SUS tratamento gratuito" eles sofrem mto na rua!